Dicas para aplicar um planejamento de vendas em seu negócio


Para que um projeto alcance os resultados desejados, é preciso contar com um bom planejamento, dando auxílio às decisões que serão tomadas em relação a ele. Algo indicado seja qual for o propósito do tal projeto, do comercial ao social.

A importância de um planejamento se dá não apenas por ele ditar melhor as atividades que serão necessárias para o alcance de um resultado almejado, mas também por ele otimizar essa conquista, através de uma organização de deveres e oportunidades.

Uma relação que vale para os mais diferentes setores, incluindo as atividades do dia a dia, como a organização do lar, que além de trazer um ambiente de convívio mais aconchegante, permite também um melhor uso desse local, até mesmo para trabalho.

A modalidade home office de trabalho é cada vez mais comum para os setores empresariais, adotando um modelo híbrido ou completamente remoto, sem a necessidade da presença física em um escritório de planejamento tributário contabilidade.

O ato de trabalhar direto de casa exige uma maior organização do funcionário, aprimorando não só o seu local de expediente, mas também a sua relação de tempo, que mesmo contando com um horário mais flexível, necessita de um certo planejamento.

De certa forma todas as atividades podem ser beneficiadas por um bom planejamento prévio, desde a ida ao supermercado para fazer as compras do mês, a realização de uma planilha financeira com os gastos semanais, ou até a definição de uma rota de viagem.

Todas as atividades citadas têm uma relação entre si, que é o uso aprimorado do dinheiro, rendendo economias para diferentes gastos além das contas principais, sobrando renda para viagens e outras opções de lazer e relaxamento.

O mesmo tipo de planejamento precisa ser realizado por um aluno de um curso de capacitação online, tendo que organizar as matérias que irá cursar, o tempo de estudo para as provas e a ordenação dos deveres e atividades que precisam ser entregues.

E se esse modelo de ordenamento é importante para a vida pessoal do indivíduo, a mesma coisa vale para a sua contraparte profissional e comercial, quando se pensa na gestão de um negócio e a sua associação com fatores internos e externos.

E para se aproveitar dos melhores resultados possíveis nesse sentido, como no número de vendas e de clientes fidelizados, é indispensável um bom planejamento de vendas, organizando um conjunto de tarefas que se mostram necessárias para essa conquista.

A importância do planejamento para o seu negócio

Se a função principal de qualquer planejamento para o indivíduo é a ordenação das atividades requeridas para se alcançar um objetivo específico, quando se pensa em um projeto coletivo, composto por diferentes pessoas, essa relação é ainda mais necessária.

Na organização de um evento, por exemplo, é preciso contar com o apoio de diversos colaboradores, de diferentes setores, como um fornecedor de comidas e bebidas, uma empresa para prover brindes de canetas personalizadas, entre outros fatores.

É o mesmo tipo de associação que trabalha com a divisão de equipes e setores dentro de uma empresa, com cada time contando com um número específico de profissionais capacitados, lidando com as necessidades da empresa, de acordo com o seu tamanho.

Um microempreendedor muitas vezes começa com uma equipe pequena de funcionários, com profissionais realizando diferentes tarefas para que esse projeto consiga dar os seus primeiros passos, diferentemente de um conglomerado, que conta com diferentes equipes.

Independentemente do nível de tamanho da empresa, ela só irá alcançar resultados positivos se contar com uma organização de qualidade das atividades internas a serem realizadas no cotidiano da empresa.

Na verdade, esse nível de ordenação de atribuições é ainda mais importante para os negócios pequenos, no qual a força de trabalho dos funcionários precisa ser aproveitada ao máximo, com eles sendo responsáveis por diferentes áreas, com funções distintas.

A disposição de equipamentos eletrônicos facilita esse processo, com a possibilidade de automatizar algumas atividades, permitindo um melhor proveito do tempo dos colaboradores, que contarão com o auxílio de um software para franquias.

Esse nível de organização é tão importante para um negócio que essas companhias podem contar um número diverso de planejamentos, todos regidos por um plano base de marketing, que rege as atividades de diferentes setores importantes para uma empresa.

Entre alguns modelos de planejamento se destacam o:

  • Planejamento de vendas;
  • Planejamento de comunicação;
  • Planejamento organizacional;
  • Planejamento financeiro;
  • Planejamento de marketing digital.

Cada tipo de plano possui um foco distinto, mas ao atuarem em conjunto eles trabalharão para o melhor alcance possível dos interesses de uma empresa, o que muitas vezes passa pelos seus resultados financeiros, com base no número de vendas.

E é graças a essa especificidade que o planejamento de vendas é tratado pelos profissionais de marketing como um dos mais importantes para o crescimento de um negócio, assim como a manutenção desse projeto comercial.

As diferenças do plano de vendas para os outros

O que mais distingue as ações de um planejamento de vendas para os outros métodos organizacionais é o alcance de resultados visíveis, podendo ser analisados por uma planilha que condensa os resultados financeiros mensais e anuais de uma companhia.

Outras modalidades do plano de marketing lidam com questões mais intangíveis, como um um planejamento de comunicação, que trabalha com a possibilidade de um usuário alugar computador, após ver um anúncio respectivo ou ler uma matéria sobre o assunto.

O plano de vendas está mais relacionado às ações necessárias para a finalização desse processo de compra, operando para que os produtos ou serviços ofertados por uma empresa sejam de fato consumidos pelo público dessa companhia.

Não é também como se o planejamento de vendas atuasse unicamente de forma automática, com uma análise das compras conquistadas. Por mais que essa seja a relação principal desse setor, existem outras particularidades ali desenvolvidas.

Entre essas propriedades se destaca as ações de pós-venda, no qual uma empresa busca desenvolver a sua relação com o cliente após o processo de compra, garantindo que ele não só volte a consumir novamente como possa divulgar espontaneamente seus produtos.

Uma relação que pode ser medida através de uma pesquisa sobre engajamento dentro de uma empresa de consultoria de contabilidade realizada pelas equipes de comunicação e atendimento, baseadas em um processo que se mostra necessário para diferentes setores de planejamento.

Logo, para que os resultados de venda sejam alcançados, é necessário desenvolver um planejamento comercial que se conecte às atribuições levantadas por outras áreas, por meio de um estudo aprimorado sobre o mercado em que atua.

Sendo assim, para que um planejamento de vendas surta o efeito desejado ele precisa acompanhar os passos corretos definidos pelos profissionais que fizeram a confecção das etapas necessárias para o cumprimento desse plano.

Como otimizar o meu planejamento de vendas?

Para alcançar o potencial desejado ao seu negócio, ele precisa contar com um planejamento de vendas bem estruturado, com base na realidade do seu setor, como a situação financeira do seu público, além do número de concorrentes.

E para que esse planejamento tenha uma boa composição é importante seguir alguns preceitos, tais como:

  • Estabelecer metas e objetivos;
  • Definir suas estratégias em cima disso;
  • Listar as ações necessárias para essa conclusão;
  • Identificar os seus obstáculos comerciais.

Uma loja de camisetas promocionais precisa conhecer bem o mercado no qual se encontra, para dessa forma conseguir metas adequadas à realidade do seu setor, para que a definição dos objetivos de vendas não se mostre como algo inalcançável.

Após estabelecer os seus propósitos, um planejamento de vendas atuará com a definição das estratégias comerciais necessárias para se alcançar as metas antes definidas, como promoções e descontos, para aumentar o seu número de vendas.

É o período no qual se mostra preciso identificar os valores de investimentos necessários, para um melhor resultado final pela sua empresa, descontando esses gastos na relação superior de vendas alcançadas.

Junto do processo de reconhecimento é preciso a adoção de atividades precisas para se garantir um maior número de vendas, como uma loja de roupas que disponibiliza etiquetas para produtos, de forma a ressaltar o desconto que está aplicando às peças de vestuário.

Para essa melhor análise do mercado, e das ações que podem melhorar os resultados financeiros da sua companhia, é importante contar com o apoio de softwares especializados em vendas como programa de CRM (Customer Relationship Management).

Esses softwares são responsáveis por medir a relação de compra que um indivíduo tem com uma marca, assim como a forma a qual ele reage aos processos comunicacionais adotados pela companhia, estando de certa forma associados ao número de vendas.

Considerações finais

No fim, um planejamento de vendas cuida para que o seu projeto comercial alcance os melhores resultados possíveis, aumentando o número de vendas de acordo com os conceitos trabalhados também por outras equipes de marketing em sua companhia.

A conclusão da compra é também a conclusão de uma série de atividades e atribuições internas, que trabalham para uma melhor relação da empresa com o cliente.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.