Dicas para uma ótima produção de conteúdo para as redes sociais


As redes sociais são plataformas que, inicialmente, foram criadas para que as pessoas pudessem manter contato umas com as outras e compartilhar tudo aquilo que fosse de seu interesse.

Com o passar do tempo e devido ao surgimento do marketing digital, elas passaram a fazer parte das estratégias de marketing das empresas. As marcas perceberam o potencial desses sites na divulgação de seus produtos e serviços.

Por meio delas, é possível divulgar a empresa, conhecer seu público-alvo, aprimorar o atendimento ao cliente e divulgar conteúdos. Inclusive, produzir materiais relevantes e de valor para a persona é uma necessidade, visto que estamos inseridos na era da comunicação.

Isso fez com que o consumidor moderno se tornasse mais exigente e atento a outros fatores, muito além de preço e qualidade. Eles precisam confiar na marca e precisam estar engajados com ela.

Tanto pessoas físicas quanto empresas que lidam com o público precisam entender a importância de produzir bons conteúdos e saber como prepará-los para as redes sociais. E é sobre isso que vamos falar neste artigo. Confira!

Importância de produzir bons conteúdos para as redes sociais

Os produtos e serviços deixaram de ser o centro das atenções para as estratégias de marketing há um tempo. A maior preocupação é a experiência que o cliente tem com a empresa.

Devido a isso, o marketing digital desenvolveu uma de suas principais estratégias: o marketing de conteúdo.

Criar materiais atrativos e de qualidade surgiu devido à necessidade de destacar uma empresa em meio a uma concorrência acirrada na internet, sempre colocando em pauta as preferências, interesses e desejos dos clientes.

Pensando nisso, um fabricante de letra caixa, por exemplo, pode criar materiais informativos, para educar seu público-alvo, e divulgá-los por meio das redes sociais.

Tanto uma empresa quanto uma pessoa física, ao divulgar conteúdos de valor nessas plataformas, consegue se mostrar como autoridade no assunto e atrair mais pessoas interessadas no que tem a oferecer.

Independentemente de qual seja o seu mercado, sempre há dúvidas por parte dos consumidores. Quem consegue produzir materiais instrutivos, esclarecedores e de valor, consegue se destacar em meio aos concorrentes, responde a essas dúvidas.

Os usuários também usam as redes sociais para interagir com as marcas, por isso, eles esperam encontrar nelas uma boa fonte de informação, antes de comprar qualquer produto ou serviço.

Inclusive, por meio delas, eles podem ter acesso à opinião de outros clientes, para saber mais sobre a qualidade das soluções oferecidas, atendimento, suporte, dentre outras informações.

Sendo assim, tanto um profissional quanto um fabricante de adesivo para vitrine, ao usar as redes sociais para levar informação relevante, consegue construir o seu branding, ganhar visibilidade, tornar-se referência e aumentar o número de conversões.

Em outras palavras, oferecer respostas por meio dos canais digitais ajuda os usuários a conhecerem e descobrirem mais sobre seu problema e de que forma ele pode ser solucionado.

Além de atrair as pessoas, um bom conteúdo possui vasto alcance e traz resultados satisfatórios, desde que você saiba como criá-lo para as redes sociais. E é sobre isso que vamos falar no próximo tópico.

Dicas para produzir bons conteúdos para as redes sociais

Para produzir bons materiais para as redes sociais, é essencial seguir algumas estratégias, pois é por meio delas que você segue os interesses de seu público. E as principais práticas são:

Conhecer o público-alvo

O primeiro passo é conhecer bem o seu público-alvo. É dessa forma que uma empresa de fornecimento de mão de obra temporária vai atingir as pessoas certas e conseguir bons resultados.

Quando sabemos as características da audiência, conseguimos direcionar o conteúdo em relação a alguns aspectos, como frequência, linguagem e as plataformas adequadas para veiculá-lo.

Sendo assim, tanto uma pessoa quanto uma empresa precisa definir a persona, no que diz respeito a características como:

● Idade;
● Escolaridade;
● Estado civil;
● Interesses;
● Necessidades;
● Objetivos.

Com base nessas informações, é possível determinar as pautas que serão abordadas e fazer com que os potenciais clientes se envolvam com suas publicações.

Planejar os conteúdos

Depois de saber quem é o seu público-alvo nas redes sociais, um escritório de contabilidade que faça planejamento tributário e fiscal, precisa programar os conteúdos que vai criar para as redes sociais.

Ao planejar, é necessário estabelecer as pautas, frequência, tom de voz, linguagem, tamanho do material, tipo, dentre outras particularidades.

Sem essa organização fica difícil conquistar o público-alvo e obter o engajamento dos seguidores, o que vai impactar em outros resultados, como as vendas. Portanto, agende os posts com antecedência e ajuste a frequência para regular as publicações.

Investir em diferentes formatos

Conteúdos repetitivos se tornam monótonos e desagradam o público, por isso, adapte seus materiais para formatos diferentes, para chamar a atenção dos seguidores e torná-los compatíveis com a plataforma usada.

As redes sociais possuem focos diferentes, por exemplo, o Instagram é mais visual, enquanto o Twitter é focado em textos curtos. Uma empresa de locação de impressoras pode criar materiais de vários formatos, como:

● Vídeo;
● Texto;
● Imagem;
● Áudio.

Quando variamos os formatos, o engajamento aumenta porque a mensagem se ajusta à plataforma e ao público presente nela.

Usar ferramentas

As ferramentas ajudam a manter a organização e simplificam o trabalho. São sistemas que programam as publicações em cada rede social usada pela pessoa ou empresa, otimizando o processo e garantindo o planejamento.

É possível trabalhar com templates que organizam o processo, reunindo todos os projetos em uma única plataforma. Essa centralização permite que você tenha uma visão ampla de todas as redes sociais usadas pelo negócio.

Essas ferramentas ajudam a planejar as estratégias de marketing digital pelas plataformas de mídia, evitando erros e retrabalhos.

Adaptar os conteúdos às plataformas

Como falamos, cada rede social tem seu foco e estilo, então, os conteúdos devem ser feitos sob medida para elas. Isso significa que aquele material publicado no Instagram não é adequado para o LinkedIn, por exemplo.

Assim como o foco de cada rede social é diferente, o público presente nelas também é. Mesmo que uma pessoa tenha conta no Facebook e no Instagram, ela quer ver coisas diferentes em cada uma.

Então, se uma gráfica de banner promocional quer gerar mais engajamento em cada plataforma, precisa adaptar os materiais que produz.

O Facebook é ótimo para veicular notícias, enquanto o Instagram é um bom canal para vídeos e imagens, e o Twitter textos curtos e imediatistas.

Personalize as publicações para cada rede social e escolha aquela onde seu público está. Então, essa é mais uma razão para você conhecer bem o seu público-alvo.

Criar um canal de comunicação sólido

Independentemente de você ser um profissional autônomo ou ter uma empresa de sinalização de segurança, é essencial criar um relacionamento com a audiência.

Nas redes sociais, as pessoas querem se sentir livres para opinar e desejam ser ouvidas. Por isso, faça perguntas em suas publicações, peça a opinião do público, ouça as pessoas com atenção e responda todas elas.

Isso também é válido quando se trata de críticas, sugestões e reclamações. Inclusive, essas situações são verdadeiras oportunidades de mostrar que você está disposta a ajudar.

Quando publicar um novo conteúdo, pergunte o que os seguidores acharam, se eles concordam, se querem acrescentar alguma coisa, entre outras possibilidades que crie uma discussão.

É dessa forma que os seguidores vão se envolver com o seu negócio e criar um relacionamento positivo com a marca. Lembre-se de que o público-alvo é a melhor fonte de informações que uma empresa ou profissional pode ter.

Analisar as métricas

Por fim, é essencial que uma empresa de cenografia para eventos acompanhe suas métricas nas redes sociais. Junto com o feedback dos seguidores, as métricas mostram como foi a recepção do público e o engajamento dele.

É com isso que você vai saber o que funciona ou não e quais estratégias precisam ser melhoradas.

Conclusão

Estar presente nas redes sociais é uma exigência dos dias atuais para qualquer tipo de negócio. Por meio delas, empresas e pessoas conseguem divulgar o seu trabalho e conversas com o público.

A presença nestas plataformas é tão importante que, quando não encontramos uma marca por lá, logo desconfiamos de sua existência ou integridade.

Mas não basta criar um perfil e achar que isso é suficiente. Suas plataformas precisam ser alimentadas com conteúdo sólidos e de valor, para encantar, atrair e engajar o público.

Neste artigo, você entendeu a importância desse trabalho e como criar materiais que agradem sua persona. Seguindo as nossas dicas, seus perfis nas redes sociais terão um desempenho muito melhor.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.