Número de restaurantes com delivery de sushi cresce 29% em 2018

Quando as primeiras famílias de japoneses desembarcaram no Brasil, além de toda a bagagem cultural, os nipônicos trouxeram uma de suas principais iguarias: o sushi. O prato, que tem um alto valor nutricional, traz diversos benefícios para o coração e ajuda a promover a regulação hormonal e do metabolismo.

De um tempo para cá, não existem dúvidas de que a culinária japonesa ganhou um apelo nacional e passou a ser incluída no dia a dia do brasileiro. Com os mais variados restaurantes, os pratos japoneses têm se tornado tão populares quanto o tradicional arroz com feijão. Em um levantamento feito pelo PedidosJá, maior plataforma de delivery online da América Latina, constatou-se que os restaurantes que oferecem Sushi cresceram 29%, quando comparamos os dados entre junho de 2017 e junho 2018.

No estado do Rio de Janeiro, o sushi é o quinto prato mais pedido, representando 10% do volume total de vendas. Além disso, nos últimos três meses, notou-se um aumento de pedidos de Sushi em São Paulo e Belo Horizonte, o que fez com que o prato entrasse para os 10 pedidos mais realizados pela plataforma.

Outra informação apontada pelo PedidosJá, é que os brasileiros costumam pedir mais sushi durante a noite. Entre os principais pratos que levam sushi, a plataforma apurou que o brasileiro prefere comprar combos, além dos famosos rolls, para uma refeição completa.

Sobre o PedidosJá

Líder em pedidos de comida online na América Latina, o PedidosJá possui em seu portfólio mais de 15.000 restaurantes parceiros, conectando-os com milhões de usuários. No Brasil, a empresa conta com mais de 6.000 estabelecimentos cadastrados na plataforma em 200 cidades, o que torna o principal mercado de atuação da companhia. Além do Brasil, o PedidosJá opera na Argentina, Chile, Panamá, Paraguai e Uruguai. Seis anos após a criação, sua equipe de trabalho é composta por mais de 1000 colaboradores. Mais informações acesse: www.pedidosja.com.br.

Fonte: SEVEN PUBLIC RELATIONS

Deixe uma resposta